21 de maio de 2022   
>> PÁGINA INICIAL/TEXTOS
..:. TEXTOS

Foi então que tomei a resolução de ir falar ao comandante, um capitão-de-mar-e-guerra, cujo nome não recordo e que recebendo-me atenciosamente, aliás, sempre me foi dizendo que não cedia o avião, porque o Centro de Aviação Marítima se mantinha neutral. Mas, para ficar de bem com Deus e com o Diabo, à despedida não se esqueceu de me pedir que apresentasse os seus cumprimentos aos chefes revolucionários, por cujo triunfo fazia ardentes votos...
Por fim, por intermédio do Pompeu das Neves, o intemerato e audacioso conspirador monárquico, tesoureiro das Juventudes Monárquicas de Lisboa, arranjou-se um automóvel que levou o tenente-coronel Raul Esteves e o alferes Carvalho Nunes a Elvas.»

Damos agora, a palavra ao saudoso marechal Carmona, que nos contou assim a sua intervenção na arrancada de 28 de Maio:
«No dia 28 de Maio a vida em Elvas decorreu tranquilamente, ignorando-se por completo o que se passava no Norte do País. Foi nessa noite que, em virtude de serviço a desempenhar como membro do júri de exames para generais, me dispus a embarcar para Lisboa, no comboio de Badajoz. Vim para a estação com o meu ajudante e grande foi o meu espanto quando este me declarou que o chefe da estação se recusava a dar-nos os bilhetes para podermos embarcar com a única explicação de que não satisfazia requisições militares. Insisti e o homem usando dum expediente que logo compreendi, respondeu-me simplesmente que ia telefonar para Lisboa, pedindo indicações sobre o que devia fazer, visto estar uma revolução na rua. É claro que compreendi ser sua intenção ganhar tempo, para o comboio passar sem ele ter falado com Lisboa e, portanto, eu não poder embarcar
por falta de bilhetes, o que, de facto, aconteceu.
«Como não pude seguir viagem, regressei a Elvas.»
E o falecido Presidente da República continuou:

(Parte XXXII de…)


A Arrancada de 28 de MAIO de 1926 (32)

(Fonte: Óscar Paxeco - 1956 – A adesão do Sul e a acção de Carmona)

Consultar todos os textos »»

 
Música de fundo: "PILGRIM'S CHORUS", from "TANNHÄUSER OPERA", Author RICHARD WAGNER
«Salazar - O Obreiro da Pátria» - Marca Nacional (registada) nº 484579
Site criado por Site criado por PRO Designed :: ADVANCED LINES