18 de outubro de 2021   
>> PÁGINA INICIAL/TEXTOS
..:. TEXTOS

VINTE E OITO DE MAIO

Graças a Deus tive a consolação de assistir ao Congresso Mariano que se realizou em Braga, em honra de Nossa Senhora e que terminou no abençoado dia 28 de Maio de 1926. No dia seguinte celebrei a Santa Missa na igreja paroquial de S Vicente, pedindo aos fiéis que agradecêssemos a sua, visível protecção, alcançando-nos da Infinita Bondade de Deus a vitória que acabava de obter o Marechal Gomes da Costa e seus companheiros e oficiais.
Disse então aos fiéis que devíamos agradecer ferverosamente, pois se esta vitória não fosse alcançada como foi, iriam contra Braga, as tropas governamentais para prenderem aqueles que consideravam como conspiradores, procedendo mesmo contra Bispos e fiéis ali reunidos, envolvendo a todos na mesma suspeita de conspiração. Seria isto uma enorme desgraça, assim como a vitória foi enorme benefício alcançado por intercessão da Nossa Mãe do Céu, a mesma que apareceu em Fátima aos inocentes em 1917, a cuja visita, a nossa Pátria bem como todo o Mundo devem tantos benefícios.
Na, véspera do Movimento, sábado, os libertadores julgaram-se perdidos por falta de adesão do Exército; mas naquela noite abençoada, de sábado para domingo, nas três igrejas, Sé, Santa Cruz e Nossa Senhora do Carmo houve adotação em que tomaram parte milhares de fiéis que enchiam por completo as igrejas com muita, devoção, orando, assistindo às missas e comungando: e logo de manhã veio a notícia consoladora de que todo o Exército havia aderido ao movimento. Lá estava às 5 horas da manhã, ouvindo a Santa Missa o Marechal Gomes da Costa, de saudosa memória do qual todos os portugueses devem recordar-se com profunda gratidão, merecendo-nos, também, gratíssima homenagem os oficiais que se decidiram acompanhá-lo. Desde esse dia bendito, a Igreja Católica em Portugal começou a gozar de liberdade que até então lhe fôra, negada, procurando-se todos os meios de persegui-la.
É, portanto nosso dever de católicos assistindo à Santa Missa e comungando, agradecermos a Deus Nosso Senhor e à Nossa Mãe Santíssima tão grande benefício; devemos ainda sufragar as almas do Marechal Gomes da Costa, e dos oficiais já falecidos que com ele cooperaram, tornando-se instrumento da Divina Providência para se alcançar tão preciosa graça.
Padre Cruz

(Parte XIV de…)

A Arrancada de 28 de MAIO de 1926 (14)

(Fonte: Óscar Paxeco - 1956 – O primeiro contacto com Braga – o berço da Revolução)

Consultar todos os textos »»

 
Música de fundo: "PILGRIM'S CHORUS", from "TANNHÄUSER OPERA", Author RICHARD WAGNER
«Salazar - O Obreiro da Pátria» - Marca Nacional (registada) nº 484579
Site criado por Site criado por PRO Designed :: ADVANCED LINES