17 de setembro de 2019   
>> PÁGINA INICIAL/TEXTOS
..:. TEXTOS

O após-guerra representará de modo geral tendência regressiva para a desordem; muitos interesses secundários se aproveitarão das circunstâncias para trabalhar no mesmo sentido. O cansaço da excessiva mas necessária disciplina do tempo da guerra; o desaparecimento das pressões de ordem que obrigaram a obedecer e a sofrer em silêncio; o excesso de esforço pedido pela luta; a miséria ou permanência das faltas que poderão milagrosamente suprir-se; a adaptação das produções da guerra aos fins da paz, que toca no trabalho, nos interesses, na vida de milhões e milhões de seres, repercutir-se-ão em solavancos graves na marcha política. Vencedores e vencidos devem sentir as mesmas dificuldades.
Como não será surpresa, os homens reflectidos saberão que não se trata de iniciar nova marcha, mas antes de recuo que deve ser travado; e os governantes prudentes terão organizado reservas de força para o conseguir. Espero as tenhamos suficientes para não deixar perder na paz o que a guerra poupou, pois não se trata de salvar posições pessoais ou políticas, mas condições essenciais à salvaguarda da nossa independência e ao engrandecimento da nossa Pátria. Quem tem razão tem muita força – e muita mais quem a tem em sua casa.


Florilégio de pensamentos- Algumas das Mais Belas Páginas de Salazar (36)

Tendência regressiva para a desordem – Discursos, Vol. III, pág. 351
Edições Panorama - Lisboa 1961

Consultar todos os textos »»

 
Música de fundo: "PILGRIM'S CHORUS", from "TANNHÄUSER OPERA", Author RICHARD WAGNER
«Salazar - O Obreiro da Pátria» - Marca Nacional (registada) nº 484579
Site criado por Site criado por PRO Designed :: ADVANCED LINES